Artrite Reumatóide: entenda mais sobre a doença

Artrite Reumatoide

✅ De causa desconhecida, e atingindo duas vezes mais mulheres do que homens, a artrite reumatóide é uma doença autoimune que causa inflamação do tecido conjuntivo das articulações e até de alguns órgãos internos.

✅ A doença é mais comum em pessoas de 50 a 70 anos, mas a sua forma juvenil pode atingir pessoas abaixo dos 16 anos de idade. Seus sintomas mais comuns são dores, inchaço e vermelhidão nas articulações, sobretudo em punhos e mãos. As inflamações causadoras dos sintomas também provocam rigidez matinal e fadiga e, à medida em que a doença avança, há a destruição das cartilagens, o que pode ocasionar deformidades e incapacidade de realização de atividades simples do cotidiano.

✅ No entanto, as articulações não são as únicas partes do corpo em que a doença pode se manifestar. Órgãos e tecidos, como a pele, unhas, músculos, pulmões, rins, sistema nervoso, coração e sangue podem ser afetados pela artrite reumatóide em formas mais raras.

✅ O diagnóstico da doença acontece quando a presença de sinais como: rigidez matinal duradoura (de, pelo menos, uma hora), artrite das articulações das mãos, artrite simétrica simétrica (quando articulações iguais, como ambos os punhos, são afetadas, por exemplo), nódulos reumatóides, fator reumatóide no sangue, entre outros, é identificada por, pelo menos, seis semanas.

✅ A partir de então, a equipe médica faz o acompanhamento do quadro de maneira individualizada, isto é, considerando as particularidades de cada caso. Então, pode-se solicitar exames laboratoriais ou de imagem, como radiografias ou ressonâncias magnéticas, para que se tenha clareza dos passos a seguir.

✅ O tratamento envolve o uso de antiinflamatórios, corticóides e medicamentos imunossupressores (como os biológicos que administramos na Creta), sendo planejado, mais uma vez, de maneira individualizada. Para alguns pacientes, mesmo tratamentos cirúrgicos podem ser indicados. Além desses, fisioterapia e terapia ocupacional são fundamentais para o tratamento, por conferirem, entre outros benefícios, melhora da qualidade de vida de cada paciente.

✅ O acompanhamento médico especializado, claro, deve acontecer de maneira contínua. A artrite reumatóide é uma doença sem cura. Portanto, cada caso deve ser avaliado cuidadosamente e ininterruptamente, a fim de proporcionar controle do avanço da patologia por meio da adaptação do tratamento e do acolhimento das pessoas que convivem com a AR.

Acesse nosso site e confira outras matérias sobre nosso Clínica de Infusões.
Siga a Clínica Creta nas redes sociais!